PINTURA & Filme

Entrevista: rita alvarez

CAROLINA

CARDOSO

Nome: Carolina Cardoso

Idade: 24 anos
Sou de: Lisboa 
Sou conhecida por: Ser a rainha do Photoshop

A minha arte é: Uma fusão do corpo humano e de surrealismo

1) MELANCIA: Quem é a Carolina? 
CAROLINA: A Carolina é uma rapariga de 24 anos, natural de Lisboa, que se encontra há um ano a viver em Berlim. Está constantemente à procura de inspiração para as suas aventuras que envolvem o photoshop, acrílicos e pastéis de óleo, e é a criar arte onde concentra as suas energias. Acabou agora um curso em produção de filmes e está neste momento a desenvolver alguns projectos como directora de arte e editora. Não gosta de estar parada, e, por isso mesmo, está sempre a inventar coisas novas para fazer.

2) M: Porquê "Psycho Peach"? 
C: Veio de um grupo colaborativo de artistas a que tenho chamado “Peach La Crew”. Cada pessoa tinha um nome relacionado com pêssegos.

3) M: Podemos dizer que és uma artista multi-facetada: Design, Pintura, Filme... se tivesses de escolher entre uma destas áreas, qual escolherias? Porquê? 

C: Dessas três áreas, sem dúvida, escolheria filme. Num filme consigo incorporar todas as áreas que tenho vindo a desenvolver ao longo dos anos, como o design e a pintura. Aliás, filmes são pinturas em movimento e isso faz com que eu consiga inserir um pouco de tudo.

4) M: Na tua opinião, qual é a noção que um artista não deve perder? 

C: Um artista nunca deve perder a noção da sua própria identidade. A arte que os outros fazem não é melhor que a tua, mas sim diferente. Toda ela é válida e o importante é admirar e aprender com cada pessoa. Isto é muito trivial mas é importante sermos nós próprios naquilo que fazemos.

5) M: Fala-nos da séria de pinturas "Bathroom Series". 

C: A Bathroom Series foi inspirada na casa de banho de uns amigos. Eles fizeram um evento com música e arte no quintal deles e o meu objectivo era reproduzir o que as pessoas de fora poderiam observar.
A casa de banho deles tem uma grande janela com vista para uma estação ferroviária, onde todas as pessoas que passam de comboio conseguem ter um momento “Janela Indiscreta”, se estiverem a olhar para o prédio deles com atenção. Neste projecto fui mais sóbria em relação a cores e ao tema, e aproximei-me mais do real.

instagram: @thepsychopeach

carolscardoso.com

espreita o artigo na revista

CONTACTos

  • ig
  • fb
  • yt

MELANCIA MAG 2018 © ALL RIGHTS RESERVED