Entrevista: MAFALDA JESUS

ILUSTRAÇÕES: ANA SEIXAS

ANA

 SEIXAS

As suas coloridas e bem-dispostas ilustrações contagiam qualquer um. Sim, estamos a falar do trabalho da Ana Seixas, uma designer e ilustradora de 32 anos, nascida em Viseu. Formada em design, trabalhou em algumas agências, revistas e galerias de arte, mas rapidamente se rendeu à sua verdadeira paixão, a ilustração. Perde-te no mundo inspirador da Ana.

1) MELANCIA: Quem é a Ana Seixas?
ANA: 
Um metro e sessenta e sete, morena, não gosta de falar de si mesma na terceira pessoa. Sou ilustradora, trabalho maioritariamente para editoras de livro didático infantil e dou workshops de serigrafia, técnica que uso também para reproduzir alguns dos meus trabalhos. Vivo no Porto, cidade com a qual mantenho uma relação turbulenta e pouco estável.

2) M: Qual é a tua primeira memória relacionada com o desenho?
A: Tenho várias e não defino qual a primeira. Resumem-se ao normal em qualquer criança: desenhar nas paredes, usar as maquilhagens da mãe como material de pintura, e sonhar com caixas de marcadores Molin com todas as cores.

3) M: O que te inspira? 

A: Talvez sinta mais motivação que inspiração... Trabalho por encomenda, dependo de um briefing e de um cliente e só às vezes tenho tempo para projectos pessoais. E aí é quando me divirto a 200% e aproveito toda a motivação acumulada para produções próprias, exposições, auto-edições (tenho uma na calha!), ou simplesmente criar imagens novas. Sinto essa motivação quando saio da rotina, quando viajo, vou a exposições, quando falo com pessoas e conheço os seus mundos, quando vejo filmes ou vou a concertos.

4) M: Na tua opinião, qual é o maior obstáculo de um ilustrador em Portugal?

A: Penso que o ilustrador deve ser visto como um profissional, tanto por parte das empresas que contratam como dos próprios ilustradores. Isto leva às baixas remunerações praticadas, ausência de contratos de direitos de autor e outras faltas de respeito praticadas. Grande grande obstáculo.

5) M: Com que materiais preferes trabalhar e o que te dá mais prazer desenhar? 

A: Trabalho digitalmente, faço esboços à mão, com lápis, caneta e papel e em seguida passo ao Photoshop. Reproduzo também alguns dos meus trabalhos em serigrafia e risografia, ambas técnicas dão resultados graficamente interessantes.

6) M: Que objectivos gostarias de alcançar? 

A: Acordar todos os dias às 7h e ir ao ginásio, manter a casa arrumada e ter mais tempos para a serigrafia e trabalhos pessoais. Isso seria maravilhoso.

7) M: Que noção é que um artista nunca deve perder? 

A: Tento nunca perder a noção que ser ilustradora é uma profissão e uma paixão - que uma nunca deve anular a outra.

8) M: O que é essencial no teu dia-a-dia? 

A: Queijo e gifs de gatinhos.

9) M: Deixa uma mensagem à MELANCIA mag e aos seus leitores. 

A: Em 2011 fui ver umas conferências a Madrid, onde tive a oportunidade de assistir a conferência do ilustrador Puño, onde fala da sua experiência e desmistifica a profissão de ilustrador. São 45 minutos extraordinários, durante os quais podem comer melancia às fatias ou aos cubinhos. Procurem no youtube: Talk by Puño - Conferencia ilustrador Puño MAD 2011.

www.facebook.com/anaseixasillustration

espreita o artigo na revista

CONTACTos

  • ig
  • fb
  • yt

MELANCIA MAG 2018 © ALL RIGHTS RESERVED

Melancia_Icon.png